Ascensao-Universidades

A Ascensão das Universidades — Prefácio

[Prefácio à tradução brasileira de A Ascensão das Universidades, Danúbio, 2015]

Ascensao-UniversidadesQuando este utilíssimo livrinho chegou primeiro às minhas mãos, eu investigava a educação da Idade Média, em busca daquele equilíbrio intelectual que só o senso histórico pode dar, por meio de cuja posse eu seria capaz de avaliar os méritos da minha própria educação. O Prof. Charles Homer Haskins deu-me duas vantagens: a primeira, de conhecer diversos aspectos importantes ou pitorescos da vida universitária medieval; a segunda, de perceber que eu, de acordo com meus propósitos no momento, não ganharia muito se continuasse a estudar o assunto.

Continue reading

Ascensao-Universidades

A Ascensão das Universidades (C. H. Haskins, prefácio de Rafael Falcón)

“A raiz das universidades sempre foi, ao que tudo indica, um professor. Alguém se destacava no ensino de uma disciplina, e eis que a ele acorriam alunos de toda parte, seja para matar a curiosidade ou para obter desempenho superior em alguma profissão nobre (como advocacia, medicina ou teologia). Não fique o leitor espantado se isso lembrá-lo dos antigos sofistas, do próprio Sócrates ou do filósofo Pedro Abelardo, falecido pouco antes do surgimento da Universidade de Paris. De fato, parece ser essa uma lei universal do empreendimento pedagógico: o professor é a pessoa mais importante, aquela que determina o sucesso e o fracasso das escolas e faculdades e, em última instância, do aprimoramento cultural de todo o mundo.”
(excerto do prefácio de Rafael Falcón)

Ascensao-Universidades

LEIA O RESTO DO PREFÁCIO.

ADQUIRA O LIVRO.

A origem e a natureza das primeiras universidades do Ocidente é o assunto desta famosa série de palestras proferida em 1923 pelo historiador americano Charles Homer Haskins, e traduzida pela primeira vez no Brasil.

Num estilo vibrante e entusiasmado, o autor explica como surgiram as instituições universitárias, além de pintar um retrato vivo do cotidiano dos alunos e professores de cidades como Paris, Oxford e Bolonha.

“A ascensão das universidades” é um livro que ilumina o conhecimento do público brasileiro sobre a Idade Média, época de importantes realizações culturais e intelectuais, mas que permanece inadequadamente associada ao obscurantismo na imaginação popular.